AMBIENTE EXTERNO RESIDÊNCIA CJ | Campinas

Parte integrante da área de lazer, o jardim vertical está localizado em um recorte da construção, criando assim um jardim mais aconchegante. Para valorizar ainda mais este espaço foi projetado uma fonte integrada ao jardim vertical, proporcionando um relaxante som da água caindo.

Para o jardim vertical foram empregadas diversas espécies criando um efeito bem interessante, a ideia inicial era criar dois planos com a vegetação, espécies verdes e de folhas maiores e mais volumosas formam uma grande mancha contínua que percorre praticamente todo jardim, para isso temos as Monsteras, Singônios, Samambaias, Liriopes e o Aspargo. Já para o outro plano temos espécies de tons arroxeados e com folhas menores, permitindo assim este jogo de volumes. Neste caso foram usados o Tradescantia e a Setcresea.

Projeto – Marcelo Novaes

Execução – Paredes Vivas